Home Maricá Famílias do Retiro estão desalojadas devido a fortes chuvas de ontem (25)

Famílias do Retiro estão desalojadas devido a fortes chuvas de ontem (25)

239
0
Família de Anderson olha desolada a casa destruída pelas chuvas de ontem. Foto: Paulo Celestino
Por: Jade Carvalho e Paulo Celestino

Desabrigados aguardam posicionamento da Prefeitura e da Defesa Civil

A equipe do Jornal Gazeta percorreu os pontos mais afetados de Maricá na manhã desta terça-feira (26) e encontrou pelo menos três famílias que estão desabrigadas no bairro Retiro após a chuva de segunda-feira (25).

De acordo com moradores, a ventania foi muito forte, destelhando a maioria das casas. Com isso, a chuva atingiu os móveis, fazendo com que as famílias perdessem tudo.

A família mais prejudicada foi a do Anderson, que teve sua casa destruída com vendaval: “a ventania veio de lá pra cá, aí já foi começando a levantar nosso telhado e derrubar nossas paredes.” – disse Anderson. “Na hora que começamos a ver que a casa ia abaixo, só deu tempo de mandar as crianças correrem, ela (esposa) protegendo minha filha, que tava no sofá, aí caiu algumas coisas em cima da gente, mas não machucou não. Foi o tempo da gente conseguir levantar, sair e o restante veio abaixo.” – acrescentou.

Nataly pede que órgãos públicos ajudem na reconstrução da casa: “a Defesa Civil teve aqui ontem a noite, a Prefeitura teve hoje com o caminhão pra ajudar com as coisas que restaram, geladeira, fogão, essas coisas.” “Estamos aqui, infelizmente perdemos nossa casa. Estamos aqui pra pedir a Prefeitura ou algum órgão responsável, o que puder nos ajudar a reconstruir nossa casa, pelo menos com o material, a gente agradece, estamos disponíveis a receber o que vocês puderem nos dar.” – completou.

“Eu só tenho que pedir ajuda pra levantar a casa porque foi um sacrifício, a gente sabe que não é normal, mas acontece, quero pedir ajuda, com um saco de cimento, um tijolo… Mão de obra a gente tem, os vizinhos estão dispostos a nos ajudar.” – apelou.

Luiz Felipe e Glaucenir aguardam inspeção da Defesa Civil. Foto: Paulo Celestino

Luiz Felipe e Glaucenir também tiveram a casa afetada com a chuva. Eles estão aguardando a Defesa Civil, a pedido da equipe do Jornal Gazeta, para ver se tem condições de continuar morando lá: “eu gostaria que eles viessem aqui dar um apoio pra gente, porque desempregados, com duas crianças, uma de um ano e uma de três, não é mole. Agora aconteceu uma tragédia dessa, graças a Deus não houve vítimas, mas gostaríamos que ajudassem na nossa casa.” – disse Luiz Felipe.

“Se tiver como eles virem ver se dá pra ficar aqui dentro ainda, porque o medo é continuar e isso vir abaixo em cima da gente, acabou tudo dentro de casa, não dá pra salvar mais nada.” – concluiu Glaucenir.

Casa de Luiz Felipe e Glaucenir destelhada. Foto: Paulo Celestino
Morador da região, Valdecir pediu por obras da Prefeitura: “nós necessitamos de um valão aqui lá em cima, pra evitar a água de invadir o território da gente. Eu já solicitei aqui, já fui atrás e não vieram fazer.”
“A chuva não foi tanta, o pior foi o vento, mas se vier a chuva pesada como da outra vez, eu perco meu muro, ele também perde a casa dele. Nós demos sorte que nada disso aconteceu. Não temos esgoto, não tem saída de água.” – reclamou.

Quem quiser e puder ajudar, as famílias estão necessitando de doações de móveis, material de construção, roupas e comida. Entre em contato com o Jornal Gazeta.

O Jornal Gazeta entrou em contato com Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Maricá e com a Defesa Civil e aguarda Nota Oficial.

Casa de Anderson e Nataly. Foto: Paulo Celestino

 

Igreja Assembleia de Deus do Retiro afetada pela chuva. Foto: Paulo Celestino

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here